gestante

Primeiro trimestre de gravidez

O 1º trimestre de gravidez, corresponde aos 3 primeiros meses de gestação, ou seja, acontece da 1º semana até a 13º semana de gestação.

SEMANAS 1 A 4

Após a fecundação, o óvulo fecundado passa por várias divisões e se transforma em embrião, para depois se transformar em feto. Se a gestação está sendo calculada a partir do primeiro dia da última menstruação, você provavelmente engravidou entre a segunda e terceira semanas. Durante o primeiro mês, seu bebê é realmente minúsculo e tem aproximadamente o tamanho de uma cabeça de alfinete.

Você poderá notar um pequeno sangramento causado pela nidação, o implante do óvulo fecundado no útero. Durante o primeiro mês, a placenta (que trará oxigênio e nutrientes para nutrir o bebê) e a cavidade amniótica estarão se formando. Mesmo que a gestação ainda esteja bem no comecinho, o pré-natal deve ser iniciado assim que a mulher descobrir que está grávida. O obstetra irá receitar a alimentação adequada, exames e assim por diante.

SEMANAS 5 A 8

O bebê ainda é minúsculo, mas seu coração, cérebro, coluna espinhal, músculos, ossos, olhos, boca e membros estão começando a se desenvolver. A placenta, que nutre o bebê, assim como a cavidade amniótica, proporcionam um ambiente seguro e quentinho para que o pequeno cresça. O cordão umbilical se forma e se conecta ao seu organismo.

Você começará a sentir os sintomas de gravidez, como náuseas pela manhã, cansaço excessivo e formigamento e dor nos seios, além de escurecimento dos mamilos. Você também poderá perder um pouquinho de peso.

SEMANAS 9 A 12

Na nona semana, o bebê já tem o tamanho aproximado de um amendoim. Sua cabeça está mais ereta e o pescoço mais desenvolvido. Durante o ultrassom, você poderá ver como o bebê se move, mesmo que não consiga senti-lo ainda. No mês seguinte, os braços e pernas são mais longos e podem se dobrar nos cotovelos e joelhos. Até o fim da 12ª semana, dentes e unhas também terão se desenvolvido. A partir de então, as chances de aborto espontâneo caem consideravelmente.

Até o final do primeiro trimestre, você ainda estará sentindo os sintomas característicos, como enjoos matinais, cansaço, sonolência e aumento do volume dos seios, além de cólicas abdominais discretas e aumento da sede. Alterações emocionais também são comuns: você poderá se sentir fragilizada e ter vontade de chorar à toa.

PRIMEIRA CONSULTA PRÉ-NATAL

A primeira consulta com a gestante deverá ser, preferencialmente, agendada para o enfermeiro ou enfermeira, que irá realizar os seguintes procedimentos, após o resultado do β-HCG positivo:

  • data da última menstruação – DUM;
  • regularidade dos ciclos;
  • uso de anticoncepcionais;
  • paridade;
  • intercorrências clínicas, obstétricas e cirúrgicas;
  • detalhes de gestações prévias;
  • hospitalizações anteriores;
  • uso de medicações;
  • história prévia de doença sexualmente transmissível;
  • exposição ambiental ou ocupacional de risco;
  • reações alérgicas;
  • história pessoal ou familiar de doenças hereditárias/malformações;
  • gemelaridade anterior;
  • fatores socioeconômicos;
  • atividade sexual;
  • uso de tabaco, álcool ou outras drogas lícitas ou ilícitas;
  • história infecciosa prévia;
  • vacinações prévias;
  • história de violências.
  • realização de testes rápidos de SÍFILIS, HEPATITE B, HEPATITE C, HIV.
  • solicitação de exames laboratoriais;  
  • encaminhamento para agendamento com odonto;
  • encaminhamento para laboratório;
  • encaminhamento para agendamento de consulta médica;
  • orientações sobre a gestação;
  • orientações referente às dúvidas da gestante;
  • orientações sobre proximas consultas.

Baixar material – 1º TRIMESTRE DE GESTAÇÃO

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.