Sou Enfermagem

Em Mato Grosso a Enfermagem elege mais de 30 vereadores

Autor: Sou Enfermagem Em: 25/11/2020

Em Mato Grosso a Enfermagem elege mais de 30 vereadores

Dois prefeitos e 33 vereadores eleitos no pleito do último domingo (15) são profissionais da enfermagem. 

Entre os vereadores, 29 são enfermeiros e seis são técnicos. Entre eles, 17 são mulheres, destacando-se o município de Cotriguaçu, onde duas enfermeiras ocuparão o legislativo.

Foram eleitos os enfermeiros Emerson (Várzea Grande), Giovanna (Primavera do Leste), Nayara (Colniza), Carlos (Colíder), Joilson (Sapezal), Anilton (Nova Xavantina), Kinho (Chapada dos Guimarães), Adriane e Fabi (Cotriguaçu), Sandra (São José dos 4 Marcos), Raquel (Campinápolis), Eder (Juruena), “Casinha” (Nova Canaã do Norte), Carol (Apiacás), Alex (Nova Lacerda), Israel (Lambari D'Oeste), Christiano (Santo Antônio do Leste), Geslaine (Nova Nazaré),Poliany (Torixoréu), Talita (União do Sul), “Parada” (Vale do São Domingos), Daiane (Glória d´Oeste), Núbia (Novo Santo Antônio), Geisiany (Jangada), Michele (Diamantino), Conceição (Planalto da Serra), Paulo (Comodoro) e os técnicos de enfermagem Elton (Confresa), Léo (Água Boa), Paulinho (Canarana), Selma Santos (Nova Brasilândia), Marta Pit (Nova Guarita ) e Gizelda (Luciara).

A categoria também conquistou postos no executivo. 

O enfermeiro Héctor foi eleito prefeito em Mirassol do Oeste e o enfermeiro Luís Fernando, em Santo Afonso.

O Conselho Regional de Enfermagem de Mato Grosso parabenizou os profissionais pela conquista. O presidente, Enfermeiro Antônio César Ribeiro, enfatizou que o legislativo é um grande aliado para que a autarquia alcance seus objetivos.

“Nós temos a fiscalização que pode resultar em notificações e/ou ações civis públicas, onde acionamos o poder público contra o executivo ou contra a administração privada para garantir, minimamente, o cumprimento de nossas normas legais.

A presença da enfermagem no legislativo e no executivo certamente nos ajudará a conduzir este processo de maneira mais qualificada”, disse ele.

Coren Paraná

Antes das eleições, a presidente do Coren/PR, Simone Peruzzo, declarou que seria importante que a categoria buscasse conhecer a trajetória histórica profissional dos colegas concorrentes que podem representar a enfermagem nas Câmaras de Vereadores e Prefeituras. Uma vez eleitos, eles seriam cobrados de acordo com as suas propostas e pelo envolvimento que há na categoria.

“Em plena campanha internacional Nursing Now Brasil /Paraná, bicentenário de Florence Nightingale, ninguém melhor que nossos pares para debater e lutar frente aos desafios e lutas impostas há mais de duas décadas. Precisamos de representantes da enfermagem na política, pois só assim teremos condições de consolidar nosso protagonismo e liderança junto à sociedade que assistimos, bem como conquistar políticas públicas que impactem diretamente em melhores condições de trabalho e remuneração para enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem”, diz a presidente antes das eleições.

Cursos Online: Quer melhorar o seu currículo e se destacar no mercado de trabalho? Então clique aqui e faça um curso online conosco



Este site usa cookies para fornecer serviços e analisar tráfego. Ao usar o site, você concorda com o uso de cookies. Saiba mais. Entendi